Molho de tomate fresco

Hoje é o dia mundial do macarrão, então vou dar uma dica simples que combina muito bem com esta iguaria. E com outras também! Eu sou muito chata com produtos industrializados. Se fosse possível, gostaria de comprar leite de leiteiro, que tira direto da vaca para o litro; faria o próprio pão para consumo, enfim… Nem tudo é possível, mas o molho de tomate é! E a comida fica com um gostinho muito bom, parece que há um frescor no prato quando se utiliza.

IMG_0322

Então, a minha dica é esta:

– Lave bem cerca de seis tomates (eu dou preferência pelos orgânicos, por serem mais saudáveis);

– Retire as pontinhas marrons;

– Pique-os em pedaços médios (eu corto o tomate pela metade e divido cada uma delas em 4 pedaços);

– Coloque-os no mixer/processador/liquidificador (já falei sobre o mixer aqui. Ele é o meu queridinho!) e bata até ficar tipo um mingau. Atenção, não pode ficar muito aguado, tem que ficar meio pastoso mesmo.

– Guarde em um potinho plástico na geladeira. (sem sal, nem outro tempero, nem nada… só o molho mesmo.)

Duração: Na geladeira, o molho fica super gostoso por uma semana.

Tempero: O molho pode ser utilizado em massas, carnes brancas e no arroz.

Desespero: Na hora de comprar os tomates, eles não podem estar verdes e nem passando no ponto (mole). Quando a gente aperta, tem que estar firme. Senão, o molho estraga muito rápido e a gente perde o tempo e o dinheiro investido e ainda fica sem a comida gostosa. Sim, eu já passei por isso. Hahahaha!

:*

Fernanda

Anúncios

Deixe aqui seu tempero (ou desespero).

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s